Lilypie
Lilypie Fifth Birthday tickers
Terça-feira, 21 de Novembro de 2006

As séries da minha vida (2)

As coisas cá em casa mudaram um pouquinho.
A bem dizer... um pouquinho quase nada.
Em termos de séries de Tv. nada a dizer: "As pistas da Blue " rules !
Mesmo que seja o episódio 10 repetido pela 100ª vez.
O momento é solene e não pode haver nada a perturbar a concentração da cachopa.
Mas, paulatinamente, há uma outra série que vai conquistando a pulso o seu próprio espaço.
E vai-o fazendo de forma tão segura que já tivemos que adquirir um dvd.
Falo é claro dessa obra prima da animação infantil que é o Ruca.
Uma verdadeira obra-prima...
Vou dar de barato o facto do puto ter três anos e ser careca de todo, enquanto a irmã, de um ou dois anos, tem uma cabeleira farta. Isso ainda passa...
Agora o que não pode passar em claro são aqueles pais.
Aqueles pais não existem! Não podem.
Aqueles pais são a criação de alguma mente retorcida, nascidos unicamente para nos torturarem a nós (pais verdadeiros), e nos deixarem à beira de uma grave depressão.
É que a malvadez é tal que eles nem sequer têm nomes: são o pai e a mãe.
Indefinidos, ou seja transmitem aquela mensagem subliminar de que podiam ser qualquer um de nós.
O referido casal nunca (NUNCA) "se passa" com o cachopo.
Nunca lhe mandam um berro, nunca o põem de castigo, nunca...
Pelo contrário têm sempre uma palavra para pacificar, para entender tudo.
Não é possível!
Não há pais que aguentem esta competição. É impossível!
No episódio de hoje o rapazito desata a correr e espalha-se, fazendo uma ferida nos joelhos.
Qual foi a reacção da mãe? Esta:
- Ó meu fofinho....
Deixei de ouvir a partir daqui.
"Ó meu fofinho"?
Mas então a intervenção mais normal não seria:
- Vês? Eu bem te disse para não andares sempre a correr e para veres bem por onde andas. E pára de chorar ou ainda levas por cima."
Eu acho que isto sim, seria uma reacção normal. Mas se calhar estou enganado...
O problema em não adoptar a postura dos pais do Ruca é qualquer dia ter uma pirralha a dizer-me:
- Papá, o pai do Ruca não berra por causa dele achar que o lugar da água durante o banho é mais do lado de fora da banheira do que dentro,
ou:
- Papá, o pai do Ruca não se põe a amarinhar pelas paredes só porque ele achou que a Tv. pintada com lápis de cera e lápis de cor ficava muito mais gira.

Não há hipótese: nunca vou ser um pai como o do Ruca .
Contado por Pai Babado às 16:42
post link | Conta coisas | favorito
|
4 comentários:
De pipokka a 21 de Novembro de 2006 às 19:03
hehehe, acho que no fundo não tens que te preocupar, de facto essas figuras imaginárias poderão dar cabo da cabeça às tuas crianças (no bom sentido!) mas tu serás sempre o papá deles! e por sinal o melhor do mundo! Pensa nisto!
Jokinhas
De kartomante a 22 de Novembro de 2006 às 22:14
Bem...este teu post deu-me um atake de riso dakeles...agora eu digo, o k aki vai kem não existe és tu, qual pai k escreve estas merdas??Diz-me k eu nunca vi nenhum a não ser tu..eskece lá os pais do ruca, a tua cachopa já tem um pai à maneira!! Agora passa lá na minha tenda para descomprimires e beberes uns canecos...anda lá deixa-te de cerimónias, tenho a tenda cheia de gajas e preciso de despachar akilo...espero-te lá pai coruja...ahh e levo o teu link e mainada...bjoca
De Anónimo a 23 de Novembro de 2006 às 15:34
LINDO! Como é k eu vou ser uma Mãe como a Mãe do Ruca? Ainda bem k não conheço o Ruca... Nem a Pinta, por sinal!
De AnaD a 25 de Novembro de 2006 às 12:00
O ruca ... cheira-me ao meu proximo pesadelo ... não tenho filhos nem sobrinhos mas tenho duas primas de 5 e 2 anos que simplesmente adoro ... quando a mais nova foi baptizada em setembro fui eu que fiz os convites e as decorações, conversei com ela e percebi que o noddy a faria feliz ... com tanta pesquisa na net, digitalizaçãoes, impressões, etc... já não posso ver o noddy à frente aliás quando vejo um taxista vejo-o de barete vermelho ... Mas a febre do nboddy já era, agora o que tá a dar é o ruca e ela já me fez saber isso ... ainda bem que só se é baptizado uma vez ... bolas já me estava a ver a conhecer de cor a familia do ruca

Comentar post

.Mais sobre mim

.Música de Pai

."Estórias" da História

. Já?!?!?!?!

. Exercício

. Invenções by Pedro (II)

. Invenções by Pedro

. Indiana Jon...er...Pedro

. Adoro...

. Dão-me a volta com uma pi...

. Para o que interessa...

. Ecologias

. Hoje... todos juntos

.Contos Antigos

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

C.N.Escutas
Caleidoscópio
Derivas
blogs SAPO

.subscrever feeds